Espera…

Não me digas adeus, ó sombra amiga,
Abranda mais o ritmo dos teus passos;
Sente o perfume da paixão antiga,
Dos nossos bons e cândidos abraços!

Sou a dona dos místicos cansaços,
A fantástica e estranha rapariga
Que um dia ficou presa nos teus braços…
Não vás ainda embora, ó sombra amiga!

Teu amor fez de mim um lago triste:
Quantas ondas a rir que não lhe ouviste,
Quanta canção de ondinas lá no fundo!

Espera… espera… ó minha sombra amada…
Vê que pra além de mim já não há nada
E nunca mais me encontras neste mundo

 

Florbela Espanca

 

 

Esta entrada foi publicada em Sem categoria. ligação permanente.

Uma resposta a Espera…

  1. Carla Rodrigues diz:

    Também gosto muito de Florbela Espanca :)Passe esse coração para pelo menos 15 pessoas que você tem certeza que gostam de você, e se você estiver dentro do coração delas elas terão que enviar esse coração de volta pra você!!!Vamos ver em quantos corações você esta???_________★★★★★___________★★★★_______★★★★★★★★★______★★★★★★★★_____★★★★★★★★★★★★___★★★★★★★★★★★_____★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★_____★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★______★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★_______★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★_________★★★★★★★★★★★★★★★★★★★____________★★★★★★★★★★★★★★_______________★★★★★★★★★_________________★★★★★★__________________★★★___________________★Beijocas

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s