Passado… Ou não…

De repente o passado que julgávamos esquecido torna-se presente… O sentimento que pensávamos extinto renasce… Como é que depois de tanto tempo pode parecer que foi ontem? Porque é que volto a sentir o que não quero?
As recordações sucedem-se à velocidade da luz… A voz, o sorriso parecem tão próximos outra vez… Mas já passou uma eternidade! Não é possivel que tenha sobrevivido à impiedade dos dias, meses, anos… À crueldade do tempo, que avança sem olhar ao que deixa para trás, indomável na sua missão.
A culpa é minha… Claro que sim! Quem manda remexer nas recordações que ficaram? São apenas isso, recordações… Não é procurando-as que voltarão a ser o que um dia foram, ou, melhores.
A culpa é da minha alma sonhadora… Sempre à espera de uma nova aurora… Sempre à espera de um milagre que nunca vai acontecer…
Talvez procure o passado porque pelo menos lá tinha um motivo para sair de casa de casa de manhã e buscar um sorriso, um olhar… Mesmo que fossem para a pessoa do lado e não para mim… Pelo menos tinha a esperança que no dia a seguir poderia ser diferente, ou no mês seguinte, ou no ano seguinte… Um dia, dali a não sei quanto tempo, aquele sorriso seria meu, eu seria a causa daquele olhar…
Mas esse momento não chegou. E passada esta eternidade parece que ainda continuo à espera dele… Ainda procuro em todos os rostos o meu milagre.
O meu sentimento nunca foi sequer notado… Tenho de viver com o arrependimento infinito de não o ter partilhado, mesmo que fosse só para ouvir um "não".
Antes um "não" que este silêncio.
 

 
 
Esta entrada foi publicada em Sem categoria. ligação permanente.

3 respostas a Passado… Ou não…

  1. eva diz:

    Olá!Gostei do que vc tem posto no seu blog. Sebe… o silêncio também é palavra… mesmo deixando a dúvida em nós. Um abraço.

  2. Dayane Cristina diz:

    Oi como vai?Adorei te receber no meu bloginhovc é uma pessoa cativante e especial, esperopoder te visitar sempre…tenha um otimo dia!!!

  3. Carina diz:

    Podes pensar que o não é preferivel ao silêncio, talvez tenhas razão… mas não te arrependas do sentimento que não conseguiste partilhar. Terás oportunidades para o fazer e provavelmente bem melhores.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s